Cães

Fogo de Artifício: acabe com o medo do seu cão

Saiba como ajudar o seu cão a ultrapassar o medo do fogo de artifício neste artigo que antevê os festejos da Passagem de Ano.

O seu cão tem fobia ao fogo de artifício?

Muitos clientes da nossa petshop procuram-nos angustiados pelo facto dos seus cães sofrerem de ansiedade na presença de fogo de artifício… É certo que mais de metade dos animais de companhia têm fobia ao barulho provocado pela pirotecnia, demonstrando desagrado e reações rápidas e muitas vezes extremas.

Sintomas de um cão que tem medo do fogo de artifício:

  • Está a tremer
  • Encolhe-se ou procura esconder-se
  • Aumenta a afeição pelo dono
  • O seu latido é excessivo
  • Tenta fugir
  • Recusa-se a comer
  • Mexe-se em exagero

Não é motivo para entrar em pânico!

Para acabar com o medo do barulho do fogo de artifício siga algumas das seguintes dicas e verá que a sua estrela ficará mais tranquila na presença desse ruído tão incómodo para os cães.

Cão no seu Nicho protegido do ruído do fogo de artifício

Crie um espaço recatado

A passagem de ano é a altura do ano onde o fogo de artifício é comum em todos os locais. Por isso, prepare um local nas semanas que a antecedem para o seu cão se habituar a ele e ganhar alguma familiaridade. Costumam gostar de novidades.

Na ocasião do barulho coloque o seu cão neste espaço e cubra-o com uma pequena manta ou cobertor. Este espaço pode ser uma simples caixa de cartão ou um nicho se o cão for de reduzidas dimensões.

Após o barulho não retire o cão à força deste espaço. Deixe-o abandonar de forma natural.

Gama de produtos Adaptil

Utilize um difusor de feromonas

Já aqui escrevemos sobre o Adaptil e o seu difusor de feromonas que proporciona o equivalente à feromona natural da mãe do cão.

Neste caso em particular oferece-lhe conforto e segurança em situações de maior stress ou em experiências diferentes como a exposição a barulhos elevados.

Brinque com o seu cão na ocasião do barulho do fogo de artifício

Mantenha o seu cão entretido

Uma das soluções mais práticas para ultrapassar uma sessão de fogo de artifício é manter o cão ocupado durante a ocasião do barulho. Brinque com ele com uma bola e distraía-o o maior tempo possível.

Recompense-o pela brincadeira com um pequeno snack e fique sempre próximo.

Simultaneamente tente bloquear o ruído com música calma ou com o som da televisão. Impeça ao máximo que o cão tenha contacto com o barulho e nunca permita que o mesmo permaneça no exterior ou próximo da fonte de ruído.

Nota particular que as dicas aqui apresentadas aplicam-se para outras situações de risco como por exemplo: a trovoada, o barulho de veículos, o ruído de eletrodomésticos ou as obras do vizinho do lado.

A persistência destes sintomas deve ser acompanhada por um médico veterinário.

Boas entradas são os desejos da Estrela Animal

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *